17Abr Melhores práticas na hora de selecionar um currículo

Melhores práticas na hora de selecionar um currículo

Atualmente todas organizações - com fins lucrativos ou não - procuram profissionais com qualificações que vão além do requisitado para a vaga, buscam pessoas que tem talento para potencializar ainda mais o proposito da nossa instituição.

Mas como perceber que um currículo é bom?

Muitas vezes recebemos diversos e-mails com currículos para uma vaga que divulgamos e temos que filtrá-los de maneira inteligente. O mais comum é selecionar aqueles que se qualificam para o cargo.

#Dica: Pedir indicações para profissionais da sua rede de contatos pode render bons resultados na hora da contratação.

A partir desse primeiro passo precisamos entender os diferenciais de cada profissional para fazer uma escolha mais certeira. Leve em consideração a experiência da pessoa - tanto educacional quanto profissional - , os projetos realizados e o objetivo profissional. Após essa etapa devemos usar o online para conhecer um pouco mais sobre o candidato, nesse caso a plataforma Linkedin é a mais utilizada para esse fim.

Pessoal e profissional se confundem?

Hoje em dia existe uma linha tênue entre trabalho e pessoal, na hora da contratação muitas instituições buscam perfis dos candidatos em redes sociais com o objetivo de tornar a contratação mais assertiva. Mas essa prática ainda é bastante controversa, pois, podemos acabar desclassificando bons candidatos por escolhas pessoas. 

#Dica: Manter um banco de currículos pode ser vantajoso. Assim, na hora de abrir outra vaga você economiza tempo no processo de seleção.

A seleção de currículos é muito importante e te ajudará bastante na próxima etapa do processo de contratação, a entrevista. Busque pessoas que contribuem com o propósito do seu negócio e lembre-se: o diferencial do seu negócio é você!